03 junho 2019

FESTA DE PENTECOSTES E A GRATIDÃO


Como em toda sociedade, Israel carrega em sua história elementos maravilhosos da sua cultura, que atravessam o tempo. Alguns existem há pouco tempo, outros estão lá desde os seus primórdios. 

Eles podem indicar inúmeras coisas; apontar para um ponto específico da história; revelar segredos poderosos; estar ligados à religião, ao sistema político e até mesmo ter um significado profético.

As festas, por exemplo, sempre possuem em significado especial. Principalmente em Israel, onde cada uma delas tem um porquê de existir.   Este é o caso da festa de Pentecostes, também conhecida como festa das semanas ou festa das primícias.

Independente do significado político/cultual/profético, existe um elemento essencial nesta festa, que é encontrado em cada uma destas esferas, mas que também subsisti de maneira independente: a GRATIDÃO.

Uma das principais causas da realização da festa de Pentecostes era demonstrar ao Senhor o sentimento de gratidão por mais um ano de colheita dos frutos que a terra produzira.

Uma nação forte não pode existir se o seu povo não sabe ser grato pelas bênçãos recebidas. Da mesma maneira, uma família, um relacionamento, um trabalho, etc. não podem ser bem sucedidos se as partes envolvidas não souberem expressar seus sentimentos de agradecimento por tudo.



Leia também:


👉 Ir Além
👉 A vida é Feita de Sonhos
👉 O Valor dos Relacionamentos

O PERDÃO CONDICIONAL