30 outubro 2018

UMA REFLEXÃO PÓS-ELEIÇÕES


As eleições já passaram, temos um novo presidente. Para muitos, o candidato de sua preferência, para outros apenas mais uma insensatez coletiva.

Se ele será o melhor ou o pior? Só o tempo e as escolhas que vier fazer daqui para frente dirão. 

Contudo, não podemos nos esquecer que nossa votação neste último pleito não foi direcionada apenas a um candidato. Escolhemos também Deputados Estaduais e Federais, Senadores e governadores. Todos eles, junto com o novo presidente, tem a incumbência de nos representar nos próximos anos.

Isto significa que ão temos a missão de fiscalizar, concordar ou discordar, apenas do presidente, mas de todos os eleitos. TODOS têm uma missão a cumprir. TODOS devem trabalhar para o bem estar de um país inteiro. Sejam situação ou oposição, TODOS devem corroborar para o bem estar de cada brasileiro.

Pode parecer utópico, e sei que o  é, mais o ideal seria que ambos os lados colocassem o Brasil acima de seus próprios interesses (não estou aqui dizendo para concordarem em tudo), mas, infelizmente, o real é que planos políticos/partidários se sobrepõem aos interesses de uma nação inteira.

Sendo assim, cabe a nós eleitores continuarmos atentos ao que cada candidato eleito fará daqui para frente. Quantos aos que não venceram as eleições, também precisamos continuar de olho. Afinal, futuramente, ambos estarão aí novamente, batendo em nossas portas, querendo o nosso voto.

Aos novos eleitos (presidente, governadores, senadores, deputados federais e estaduais), que Deus lhes direcione durante os próximos anos.

Por fim, independente do candidato vencedor seu aquele que escolhemos, somos todos brasileiros, apaixonados por esta nação e com a esperança de um futuro melhor para este país. Esta é a nossa esperança: um Brasil melhor. Nossa missão é trabalhar para o crescimento desta nação como fiscalizadores daqueles a quem elegemos.



Leia também:


👉 Cidadania na Prática
👉 Cidadãos Conscientes
👉 Devaneio Sobre as Eleições

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PROFISSIONAIS HUMANOS