11 abril 2012

Reconhecendo Seus Erros


Várias situações se apresentam diante de uma pessoa todos os dias. Todas elas fazem parte das inúmeras escolhas que devem ser feitas na vida. Saber escolher é o que realmente fará toda a diferença.
O mais engraçado é que a maioria acaba jogando para cima dos outros a responsabilidade por aquilo que escolheram. Agem como se fossem inocentes e todos a sua volta estivessem errados. Acabam esquecendo que todos carregam a responsabilidade por seus atos.
Em Ezequiel encontramos o seguinte: “A alma que pecar, essa morrerá; o filho não levará a iniqüidade do pai, nem o pai levará a iniqüidade do filho. A justiça do justo ficará sobre ele e a impiedade do ímpio cairá sobre ele.” (Ezequiel 18: 20).
Uma breve análise do texto acima levará ao entendimento correto sobre o assunto. O profeta estava falando, justamente, das desculpas que os homens da época davam para os acontecimentos de sua vida. Agiam jogando a responsabilidade dos seus erros e fracassos para cima de outras pessoas, nesse caso os pais.
Não tinham coragem de assumir suas falhas, de reconhecer os seus erros e buscar acertar. Ainda encontramos pessoas assim em nosso meio hoje. Elas vivem jogando a responsabilidade de tudo que fazem para os outros, nunca assumem suas falhas.
Essa é a pior atitude que uma pessoa pode tomar, afinal de contas, ela só encontrará cura e libertação a partir do momento em que reconhecer seus erros. Ninguém pode evoluir; progredir; melhorar; sem antes decidir mudar.
O arrependimento é a melhor maneira de restaurar aquilo que fora destruído pelo erro. Ele é a chave que abre as portas da restauração, independente da área em que se tenha errado.
Você pode se esconder atrás da desculpa de que foram os outros que cometeram o erro, ou pode assumir suas responsabilidades, acertar e recuperar aquilo que perdeu.
Tudo depende da escolha que será feita. Se ao errar, escolher o caminho mais curto da desculpa, estará fadado ao fracasso e a vergonha. Mas, se fizer a escolha certa alcançará a misericórdia do Senhor e a restauração completa.

Um comentário:

  1. Ao não reconhecermos nosso erro damos sinal claro de falta de arrependimento e consequente agravamento do problema, é a mesma coisa que rejeitarmos o perdão de Deus...

    Parabéns pela publicação amado, fica na paz...

    ResponderExcluir

INCONFORMADOS COM O QUASE